3 de dezembro de 2017

Geleia de marmelo

Ingredientes
Água q.b.
Cascas e partes do interior dos marmelos e respetivas sementes 
Água da cozedura dos marmelos depois de preparados para fazer a marmelada 
800 grs de áçúcar/1l de água de cozedura
Frascos com tampa 
Preparação
1 Escalde em água a ferver os frascos e as tampas que possa precisar. Deixe escorrer e secar bem o interior dos frascos. 
2 Ao lume, coloque as cascas e a parte interior que retirou para preparar os marmelos, cubra com  água suficiente, deixe cozer.  Coe e aproveite só a água. Adicione-a à água da cozedura dos marmelos e meça a capacidade total.
3 Junte 800 gr de açúcar por cada litro da água, leve ao lume e deixe ferver até começar a formar espuma. Quando a espuma começar a subir até ao cimo da panela, retire do lume até baixar novamente. Coloque, outra vez, a panela ao lume e deixe novamente criar espuma, deixe subir até ao cimo e retire do lume. Faça mais três ou mais vezes a mesma operação.
4 Retire com uma colherada de geleia, coloque num prato e deixe arrefecer. Teste, com a colher, o ponto que a geleia tem. Se estiver ainda muito líquido a escorrer da colher, reponha a geleia no lume e deixe a espuma da geleia subir e descer mais duas ou mais vezes, tendo cuidado de ir verificando o ponto no prato. Se tiver um aspeto solto sem escorrer e sem ficar colada à colher, então, pode retirar do lume.
5 Deixe arrefecer por uns minutos e verta a geleia nos frascos escaldados, escorridos e secos. Mantenha os frascos abertos até que a geleia esteja bem fria. 
6 Coloque as tampas nos frascos e feche muito bem.


















P1050299geleia lc.jpg

17 de setembro de 2016

Rissóis de bacalhau


Ingredientes                                                                                                                        
Massa
3,5dl de água
1 colher de sopa de azeite
sal q.b.
275grs de farinha de trigo
2 ovos
pão ralado q.b.
óleo de girassol (ou outro) para fritar q.b.
Recheio
½ cebola  
3 colheres (sopa) de azeite
2 postas de bacalhau bem demolhado
1 dente de alho (picado)

Preparação 
A massa dos rissóis
Coloque, ao lume, um tacho com a água e o azeite e tempere com sal. Quando ferver, deite a farinha de trigo de uma só vez.  Mexa bem, em lume muito brando, até formar uma bola que se despega do fundo do tacho. Retire do lume e deixe a massa arrefecer bem.
Recheio de bacalhau
Pique a cebola muito miudinha. Refogue-a no azeite, junte o alho e as postas de bacalhau*. Tape o tacho e, em lume muito brando, deixe cozinhar lentamente. Retire as postas de bacalhau do tacho, tire a pele e as espinhas e desfaça- o. Coloque no tacho, novamente, o bacalhau já desfeito,  adicione 1 colher de sobremesa (rasa) de farinha de amido (ex. maizena), mexa e deixe ferver durante 3 minutos para formar o creme do recheio. Deixe arrefecer.
Os rissóis para fritar
Sobre uma mesa, com o rolo da massa, estenda a massa (não demasiado fina para que não rebente quando for a fritar), e deite, para cada rissol, uma colher bem cheia (chá) com recheio de bacalhau sobre uma pequena porção de massa já estendida. Dobre a massa para tapar o recheio e recorte o rissol com a ajuda de um copo. Quando todos os rissóis estiverem recheados, passe-os por ovo batido e pão ralado e frite em óleo bem quente. Deixe ficar dourados, retire, coloque a escorrer sobre uma rede fina e, depois, disponha sobre papel absorvente de cozinha.
*N.B.: Se gostar, pode refogar o bacalhau com tomate fresco e maduro.  

19 de junho de 2016

Bolo de chocolate e ananás

Ingredientes
1 lata de ananás em calda (rodelas)
4 ovos
220 gr de açúcar
220 gr de farinha de trigo
2 colheres de chá (rasa) de fermento em pó
10 colheres de sopa da calda do ananás
Para "forrar" a forma
100 gr de açúcar
1 colher de sopa de manteiga
Rodelas de ananás bem escorridas
Preparação
Na forma, coloque a manteiga (sem sal) a derreter no forno ainda a 100º. Logo que fique levemente derretida, espalhe-a por toda a forma e polvilhe com o açúcar. Disponha as rodelas pela forma e reserve. 
Bata as gemas com o metade do açúcar até crescerem bem e tomarem o aspeto de um creme bem fofo e esbranquiçado. Junte 5 colheres de sopa da calda do ananás e bata durante uns 3 a 4 minutos. Deite, a pouco e pouco, a farinha com o fermento e bata muito bem, acrescentando as restantes 5 colheres de calda. Adicione o chocolate e bata mais um pouco até ficar bem misturado na massa. À parte, bata as claras em castelo e junte o restante açúcar para ficarem bem firmes. Envolva-as cuidadosamente na massa do bolo. Verta a massa na forma já preparada e leve a cozer em forno pré-aquecido a 180º. Depois de cozido (35 a 40 minutos) desenforme e deixe arrefecer.

5 de junho de 2016

Bola de salpicão

 Fácil, rápida e é muito saborosa.

Ingredientes

5 ovos
200 ml de leite
150 ml de óleo de girassol
3 chávenas* de farinha de trigo com fermento
1 colher de chá (rasa) de fermento em pó
q.b de farinha de trigo e manteiga para untar e polvilhar a forma
200 gr de salpicão cortado em rodelas finas 

Preparação

1 Com a manteiga e a farinha, unte  e polvilhe a forma.
2 Bata os ovos com o leite e o óleo até a mistura crescer bem e ficar cremosa.
3 Adicione, uma a uma, cada chávena de farinha de trigo, bata bem para desfazer quaisquer grumos e para que a massa da bola fique lisa e presa (não demasiado).
4 Por fim, junte o fermento em pó e misture-o bem na massa.
5 Deite uma porção da massa no fundo da forma e coloque rodelas de salpicão. Cubra com outra porção de massa e disponha mais rodelas sobre elas. Cubra novamente, coloque as ultimas rodelas e a restante massa por cima.
6 Leve a cozer em forno preaquecido a 170º/180º, durante 45 minutos (aprox.) até crescer e  ficar bem dourada.
7 Retire do forno e deixe arrefecer. 

*capacidade da chávena 250ml 

13 de fevereiro de 2016

Bolo iogurte grego de morango e cacau

Ingredientes

1 iogurte grego com doce de morango
2,5 copos de iogurte* de açúcar
3 copos de iogurte de farinha de trigo com fermento 
1 copo (mal cheio) de óleo alimentar
4 ovos
3 colhres de sopa de cacau em pó
qb demanteiga para untar a forma
Preparação
1 Junte o iogurte, o açúcar, a farinha, o cacau, o óleo, os ovos e bata bem até a massa crescer e ficar lisa e macia.
2 Deite a massa em forma previamente untada com manteiga.
3 Leve a cozer em forno preaquecido a 170º, durante 35 minutos.
4 Retire do forno , desenforme e deixe arrefecer.
*copo de iogurte (medida)



23 de dezembro de 2015

A mesa de Natal

O arranjo floral
A mesa pode ser decorada com um arranjo floral alusivo ao Natal. O arranjo, em tons vermelho e dourado, é colocado no centro da mesa e de forma a que não dificulte o contacto visual e o diálogo entre os convidados.
A toalha de cor clara com riscas douradas e discretos desenhos de Natal de igual tom. A louça é de porcelana branca com riscas largas em vermelho cardinal e com desenhos dourados. (1)
O marcador ou sousplat de cor dourada e que se retira da mesa quando se passar ao momento de servir a sobremesa. Prato de carne (prato principal) sobre o marcador, o de peixe e o de sopa ou consommé fica em cima. (2 e 3)
Os talheres são colocados de fora para dentro. A colher de sopa, as facas de peixe e de carne ficam à direita do marcador. As lâminas das facas ficam sempre viradas para o marcador. (4)
O garfo de peixe e de carne colocam-se à esquerda do marcador, de fora para dentro. (5)
Os talheres de sobremesa colocam-se em frente do marcador e de fora para dentro. O garfo coloca-se com o cabo para a esquerda e junto ao marcador. A seguir, a faca e a colher (por fora) e ambas com os cabos para a direita. A lâmina da faca fica virada para o marcador. (6)
O prato do pão e uma pequena faca para manteiga ou patés coloca-se à esquerda, em a linha com os garfos. (7)
Os copos de vinho branco, vinho tinto e água são colocados da direita para a esquerda, em frente aos pratos. (8)
O guardanapo, com ou sem argola, deve ser sempre de pano num dos tons da toalha e fica à esquerda dos garfos. O guardanapo estende-se sobre o colo. Só se usa para limpar os lábios de pequenos restos de alimentos e novamente é colocado no colo. No fim da refeição, o guardanapo volta a ser colocado na mesa e à esquerda, mas não dobrado. (9)
mariam

14 de dezembro de 2015

Pudim de pão e leite condensado



Ingredientes
1 chávena(1,5dl) de açúcar
1dl de água para o caramelo
1 lata de leite condensado
4 dl de água morna  
8 ovos
100 grs de pão seco
Raspa de uma laranja
1 colher (chá) canela moída
Preparação
1 Ao lume, coloque 150 grs de açúcar com 1dl de água e faça o caramelo e barre e a forma de pudim. Deixe arrefecer.
2 Amorne a água e deite sobre o pão seco partido aos pedaços e junte a raspa da laranja e a canela. 
3 Deixe amolecer e com a varinha de cozinha, desfaça tudo bem.
4 Numa taça, misture o pão desfeito com o leite condensado, mexa bem, acrescente os ovos e bata bem para que a mistura fique homógenea.
5 Deite na forma de pudim. Tape a forma e leve a cozer em banho-maria + 45 minutos).
6 Deixe arrefecer e leve ao frigorífico. Desenforme para servir frio.

15 de outubro de 2015

Marmelada


Outono e o tempo dos marmelos chegou. Esta é uma receita simples e rápida de confecionar a marmelada.
Ingredientes 
marmelos
açúcar
água
1 pau de canela (opcional)
Preparação 
1 Lave muito bem e arranje os marmelos partidos aos quartos, com casca, retirando só as partes picadas ou pisadas, ou descasque-as se preferir e optar por fazer, também, geleia, e retire-lhes a parte interior que contém as sementes. Reserve as cascas e o interior retirado.
2 Pese a quantidade de marmelos preparados e, por cada quilo (Kg), junte 800grs de açúcar e 4 colheres de água e coloque na panela de pressão que tenha capacidade adequada. Junte um pau de canela se gostar. Leve ao lume e quando o botão de pressão começar a apitar e a rodar, baixe a intensidade do lume e deixe cozinhar por mais 10 minutos. 
3 Retire a panela do lume. Não retire a tampa da panela de pressão. Deixe que a pressão saia completamente e, só depois, com segurança, destape a panela. Deixe arrefecer um pouco e desfaça tudo com varinha mágica. 
4 Distribua a marmelada por tigelas (ou taças) bem escaldadas com água a ferver e completamente escorridas. Ponha as tigelas de marmelada a secar uns dias em local seco e, por fim, coloque papel vegetal embebido em aguardente a tapar cada uma delas.


11 de agosto de 2015

Bolo simples com recheio e cobertura de chantilly (em fotos)

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Chantilly
Numa taça, bata 1 pacote de 200 ml de natas pasteurizadas com as 3 colheres de açúcar até aumentarem de volume e ficarem consistentes.
Nota: Utilize as natas bem frias (não congeladas). Pode colocar a taça sobre um recipiente com gelo.

7 de junho de 2015

Espetadas de frutos variados...

Nos dias quentes de verão, espetadas coloridas com a frescura e os sabores dos frutos variados (ex: morango, melão, manga, mamão,kiwi, abacaxi) e que a miudagem vai apreciar. As espetadas podem ser acompanhadas com gelatina, iogurte, gelado. A montagem das espetadas é fácil e pode contar a colaboração das crianças da família.